Wellington afirma que escola Robson Martins está em más condições e faz denúncia ao MP

 

Alunos assistem às aulas no pátio ou embaixo de árvores porque as salas não possuem condições. Foi essa triste realidade do Centro de Ensino Robson Martins, localizado no Maiobão, que o deputado estadual Wellington do Curso (PP) denunciou ao Ministério Público. O ofício Nº75/2017 foi encaminhado à Promotora de Educação, Luciane Belo, a fim de que sejam adotadas as devidas providências.

A denúncia conta com fotos, vídeos gravados na própria escola e relatos, em que alunos e professores comprovam que educação ainda está longe de ser prioridade no Maranhão.

“Eu tenho que dar aula no pátio porque ninguém aguenta ficar na sala de aula. Lá não tem interruptor e muito menos lâmpada. Ainda disseram que reformaram. Nesses anos todos a única coisa que eles fizeram foi pintar o muro. Escola digna? Só se for de pena. Essa escola deveria era ser interditada”, desabafou o professor Ribamar.

Sobre toda a situação, o deputado Wellington disse aguardar um posicionamento firme e independente por parte da Promotoria. “Nós recebemos a denuncia, visitamos a escola e o que encontramos foi uma prova de desrespeito. Salas sem condições. Quadra abandonada. Mato pra todo lado. Banheiro imundo. E o que mais nos indignou: alunos assistindo às aulas ao relento em virtude da falta de infraestrutura. Encaminhamos essa denúncia ao Ministério Público e esperamos que algo seja, de fato, feito”, pontuou Wellington.

As denúncias quanto à situação da escola foram recebidas por meio do Projeto “De Olho nas Escolas”, que é desenvolvido pelo deputado Wellington.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *